.

..

quarta-feira, janeiro 03, 2007

 

Cartas a Uma Jovem Matemática

Sobre a visão científica dos fenómenos e a beleza:

"O arco íris que tu vês e o arco íris que eu vejo são criados por gotas de chuva diferentes. Os nossos olhos estão em sítios diferentes, por isso detectamos cones [de luz] diferentes, produzidos por gotas diferentes.
Os arco-íris são pessoais.
Algumas pessoas acham que este tipo de compreensão «estraga» a experiência emocional. Eu acho que isso é um disparate. Mostra uma forma de complacência estética deprimente. As pessoas que fazem tais afirmações gostam, muitas vezes, de se fazerem passar pelo tipo poético, aberto às maravilhas do mundo, mas de facto padecem de uma grave falta de curiosidade: recusam-se a acreditar que o mundo possa ser mais maravilhoso do que as suas próprias imaginações ilimitadas. A natureza é sempre mais profunda, mais rica e mais interessante do que aquilo que se pensa, e a matemática dá-te uma forma muito poderosa de apreciares este facto. A capacidade de compreender é uma das diferenças mais importantes entre os seres humanos e outros animais, e deveríamos valorizá-la. Há imensos animais que têm emoções, mas tanto quanto sabemos só os humanos pensam racionalmente. Eu diria que a minha compreensão da geometria do arco-íris acrescenta uma nova dimensão à sua beleza. Não retira nada à experiência emocional"



Do livro Cartas a Uma Jovem Matemática
de Ian Stewart.

Para todos aqueles que não conseguem entender o que é ciência, sem que isso os impeça de menosprezar uma visão mecânica e determinista da realidade.

Etiquetas:


Comentários: Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

Arquivos

Junho 2004   Julho 2004   Agosto 2004   Setembro 2004   Outubro 2004   Novembro 2004   Dezembro 2004   Janeiro 2005   Fevereiro 2005   Março 2005   Abril 2005   Maio 2005   Junho 2005   Julho 2005   Agosto 2005   Setembro 2005   Outubro 2005   Novembro 2005   Dezembro 2005   Janeiro 2006   Fevereiro 2006   Março 2006   Abril 2006   Maio 2006   Junho 2006   Julho 2006   Agosto 2006   Setembro 2006   Outubro 2006   Novembro 2006   Dezembro 2006   Janeiro 2007   Fevereiro 2007   Agosto 2007   Dezembro 2007   Janeiro 2008   Fevereiro 2008   Março 2008   Abril 2008   Junho 2008   Julho 2008   Agosto 2008   Janeiro 2009   Janeiro 2012  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]