.

..

quinta-feira, maio 12, 2005

 

Lotaria genética

A aparência condiciona muito a condição social, embora toda a gente se gabe imenso de dar valor ao essencial e "o que interessa é o que temos cá dentro, claro que era capaz de namorar com alguém horrível, desde que fosse belo por dentro e eu o amasse". E digo isto na voz de rapariga porque soa melhor - elas são mais assim e nesse aspecto os homens são muito mais sinceros quando mandam piropos nojentos e seguem um rabo ou um decote com o olhar. Por mais que pareça repulsivo, é uma atitude muito mais honesta que querer conhecer um tipo só porque ele é giro, trocar nomes (que não é, nem de perto, conhecer alguém), conhecerem-se uma noite, curtirem, ou um namoro que acaba 3 semanas depois embora tenha começado com promessas de amor eterno. Pelo menos o piropo é uma afirmação despretensiosa de "Tens um bom corpo, e dava-te uma grande foda independentemente de quem és realmente. Mas o teu cu é fantástico e já estou a fantasiar contigo nua. Gostava de ter sexo contigo e não te vou dizer que te amo. Só que és mesmo, mesmo sexy". Sem pretensões. É definitivamente mais sincero que querer conhecer um gajo porque ele tem boa aparência.

Isto era para ser um post sobre solidão e como o social ainda encoraja mais a atitude arrogante mas defensiva de quem não tem ninguém e, supostamente, não se devia dar ao luxo de ser arrogante. Fica para amanhã.

Comentários:
Concordo contigo. Aquela frase do " o que interessa é a beleza interior" é das mais estafadas q existem. O que nos chama a atenção, o que nos prende, o que nos faz ir á procura é a beleza exterior. A interior não se topa asim de relance, a beber 2 ou 3 copos, ou numa tarde de conversa. Aí. pode-se mostrar qq coisa q não somos. A tla beleza interior demora anos a revelar-se ( ou a desrevelar-se..) ou nuna chedar a ser revelada!
VivÒ BenficA!!
 
ora exactamenete, felizmente tento não fazer parte desse grupo de raparigas e não dizer essa barbarida da beleza interior...e é o que faço, digo sinceramente o que penso... mas é sempre uma faca de dois gumes... belo post ;)
 
Apesar de não fazeres juizos de valor, penso eu, pelo menos, acho que tens razão.
É hipócrita não aceitarmos as condicionate da aparencia física quando esta se encontra em todo o lado, em diferentes circunstancias. O sucesso não é de forma nenhum fruto da beleza extetior, mas socialmente tem peso e abre portas.
Quanto aos piropos, já não sinto que seja uma coisa apenas de homens... Já vi muitas pitas serem bastante mais repugnantes que os famosos "homens das obras".

Agora surgiu-me o seguinte: a questão da beleza interior surge muitas vezes quando já nos esquecemos da exterior, apesar desta existir... E que foi talvez a forma mais facil e directa de estar atraído pela pessoa inicialmente...

Já estou a divagar:P
Tenho é k vir cá mias vezes, porque vale a pena;)
sunny****
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

Arquivos

Junho 2004   Julho 2004   Agosto 2004   Setembro 2004   Outubro 2004   Novembro 2004   Dezembro 2004   Janeiro 2005   Fevereiro 2005   Março 2005   Abril 2005   Maio 2005   Junho 2005   Julho 2005   Agosto 2005   Setembro 2005   Outubro 2005   Novembro 2005   Dezembro 2005   Janeiro 2006   Fevereiro 2006   Março 2006   Abril 2006   Maio 2006   Junho 2006   Julho 2006   Agosto 2006   Setembro 2006   Outubro 2006   Novembro 2006   Dezembro 2006   Janeiro 2007   Fevereiro 2007   Agosto 2007   Dezembro 2007   Janeiro 2008   Fevereiro 2008   Março 2008   Abril 2008   Junho 2008   Julho 2008   Agosto 2008   Janeiro 2009   Janeiro 2012  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]